cabedelo
surfsurfespacoondasmares

ptenfrdees
Arte
Cultura
Desporto
Natureza
Natureza
Natureza
Desporto
Internet Marketing Bruidsfotograaf

O Bojador

 

2019 03 20 bojador

Hoje, às 21h30, a não perder a estreia nacional da peça O BOJADOR, no Grande Auditório do CAE.

Nas comemorações dos 100 anos do nascimento de uma das maiores escritoras portuguesas de sempre- Sophia de Mello Breyner Andresen- e, no âmbito da programação Semana Arte Mulher, destaque para a estreia nacional da peça de teatro O BOJADOR, baseada no livro da escritora, com encenação de Moncho Rodriguez e música original de Martim Sousa Tavares.

 

Atualizado em 20-03-2019

Visitas: 3

Comemorar Sophia 1919/2019

Atualizado em 19-03-2019

Visitas: 15

Curso Nadadores Salvadores 2019

2019 03 nadadores

Estão abertas as inscrições para o Curso de Nadadores Salvadores, a ter lugar de 06 a 22 de abril, em regime laboral para o efeito devem os interessados endereçar um email para smpcff@cm-figfoz.pt

As provas de admissão acontecem no dia 05 de abril, sendo exigível reunir as seguintes condições: ser maior de idade; possuir a escolaridade mínima obrigatória; apresentar atestado médico comprovativo de robustez física e perfil psíquico para o exercício da atividade de nadador-salvador profissional a par de um documento que ateste as atividades profissionais desenvolvidas e outros elementos relevantes para a avaliação da capacidade para frequência do curso a que se candidatam. Devem ainda ter domínio da língua portuguesa e conhecimentos da língua inglesa.

As inscrições terminam a 02 de abril.

Para informações adicionais devem os interessados contactar através do número 233 402 805.

 

 

 

pdf Condições de Admissão 

 

Atualizado em 20-03-2019

Visitas: 22

SAM-Semana Arte Mulher

2019 03 15 arte mulher

pdf Programa Semana Arte Mulher

 

O que fazem, na Figueira da Foz, Maria Antónia Palla; Eunice Muñoz; Catarina Furtado; Lurdes Ramalho; Albina Assis Africano; Elisabete Jacinto; Ticha Penicheiro; Cati Freitas; Cida Pedrosa; Regina Mateus; Maria João Rocha; Isabel Cardoso Ferreira; Elza Pais; Elsa Pinho; Teolinda Gersão; Alexandra Moura; Maria João Fialho Gouveia; Rosabela Afonso; Rosalinda Almeida; Conceição Mendes; Gabriela Carrascalão; Ana Mendes; Ana Sousa Simões; Cristina de Matos; Dulce Boga; Isabel Gomes da Silva; Isabel Jorge Rabaça; Katy Kounta; Maria Alexandra Abrunhosa; Patrícia Velásquez; Patrícia Vilela Antunes e Paula Alçada Castela; Tâmara Floriano; Regiane Cunha; Isabel Cardoso; Lígia Bogalho;...todas juntas?

Falam, falam, expõem, fotografam, atuam, escrevem, desenham, cantam…partilham as experiências de uma vida, o dia a dia, as carreiras, os sucessos, as dificuldades e a fórmula que seguem para ser e fazer uma sociedade melhor… Participam no SAM-Semana Arte Mulher.

O SAM-Semana Arte Mulher, decorre na Figueira da Foz de 15 a 22 de março.

Trata-se de uma bienal entre o Recife e o Município da Figueira da Foz, (cuja 1ª edição aconteceu em março de 2018, no Brasil), produzido pela Editorial Novembro, em Portugal, em parceria com o Município da Figueira da Foz, cidade que acolhe o evento.

Para além da promoção da cultura e da língua Portuguesa o SAM pretende através de debates, conferências e apresentações que abrangem as várias formas de arte, dar a conhecer o trabalho que fazem e como podem, estas mulheres, contribuir para o bom desenvolvimento da sociedade em geral, chamando a atenção para os problemas atuais e para a boa prática dos direitos humanos.

O evento tem o apoio oficial da Secretária da Igualdade e Cidadania do Governo Português, da Secretária da Mulher do Recife, da Prefeitura do Recife, da ACCIG e da Fundação Pro Dignitate.

SAM-Semana Arte Mulher| Organização (Câmara Municipal da Figueira da Foz), produção (Editorial Novembro - PT e Paulo Castro Produções - BR) e curadoria do evento (Rosabela Afonso e Moncho Rodriguez)

 

 

Atualizado em 18-03-2019

Visitas: 197

Eleição Parlamento Europeu/2019

2019 logo eurp

Eleição Europeia
Domingo, 26 Maio, 2019
 
Mais informações AQUI

 

 

Atualizado em 06-03-2019

Visitas: 117

A limpeza de terrenos e execução das faixas de proteção das edificações deve ser realizada até 15 de março

2018 02 serra

 

Os proprietários, arrendatários, usufrutuários ou entidades que, a qualquer título, detenham terrenos fora das zonas urbanas, são obrigados a proceder à gestão de combustível para garantir a sua segurança e a dos outros. Para tal devem assegurar uma faixa de limpeza não inferior a 50 metros em redor dos edifícios (habitações, estaleiros, armazéns e outras edificações).






Por outro lado, a envolvente dos aglomerados populacionais merecem especial proteção de acordo com a Lei n.º 76/2017 de 17 de agosto, alterada pelo DL 14/2019 de 21 de janeiro, que define que devem estar protegidos por uma faixa, não inferior a 100m de largura, cuja gestão de combustível compete aos proprietários, arrendatários, usufrutuários ou entidades que, a qualquer título, detenham terrenos inseridos nessa faixa.


Nos parques de campismo e nos parques e polígonos industriais também é obrigatória a gestão do combustível numa faixa não inferior a 100m competindo à entidade gestora a respetiva limpeza.”

Pode consultar AQUI se os seus terrenos se encontram dentro dessa faixa dos 100m.

 

 

Como proteger os seus bens dos incêndios florestais?

  • Conservar uma faixa de limpeza não inferior a 50 metros em redor dos edifícios, ou seja, eliminar a vegetação mais inflamável e sem qualquer tipo de tratamento.
  • A distância mínima entre as copas das árvores é de 4m e a desramação deve ser de 50% da altura da árvore até que esta atinja os 8m, altura a partir da qual a desramação deve alcançar no mínimo 4m acima do solo. Mas no caso de se tratar de pinheiro bravo e eucalipto a distância entre as copas das árvores deve ser no mínimo de 10m.
  • Certifique-se que as árvores e arbustos se encontram pelo menos a 5 metros da edificação. Excecionalmente, no caso de arvoredo de especial valor patrimonial ou paisagístico pode admitir-se uma distância inferior a 5 m, desde que seja reforçada a descontinuidade de combustíveis (intervalos entre o arvoredo) e garantindo que não há acumulação de combustíveis na cobertura dos edifícios.
  • Mantenha as copas das árvores afastadas entre si pelo menos 4m. No caso de se tratar de pinheiro bravo e eucalipto a distância entre as copas das árvores deve ser no mínimo de 10m.
  • A altura máxima dos arbustos não pode exceder 50 cm.
  • A altura máxima das plantas de pequeno porte não pode exceder 20 cm.
  • Não pode haver acumulação de substâncias combustíveis, como lenha, madeira ou sobrantes de exploração florestal ou agrícola, bem como de outras substâncias altamente inflamáveis.
  • Mantenha a cobertura dos edifícios limpa de caruma, folhas ou ramos, que possam facilitar o surgimento de focos de incêndios.
  • Mantenha as botijas de gás e outras substâncias inflamáveis ou explosivas armazenadas, no mínimo 50 metros da sua casa ou em compartimentos isolados.
  • Sempre que possível deverá ser criada uma faixa pavimentada de 1 a 2m de largura, circundando todo o edifício.

 

Atenção: é proibido fazer queimas ou queimadas sem autorização!


Os resíduos florestais podem gerar energia, não destrua este ciclo de reciclagem!

 

Saiba para onde deve enviar os resíduos florestais após a limpeza de terrenos - Os parques de deposito resíduos florestais estão situados nos seguintes locais:
- Ferreira-a-Nova
- Oficinas da Câmara Municipal (Zona Industrial)

Se tem grandes ou médias quantidades de resíduos que queira ver recolhidos deverá agendar as recolhas para o nº 961273360 (CMFF - Engª Elisabete), de 2ª a 6ª feira, das 09.30- 16.30

Se tem pequenas quantidades de resíduos deverá contactar a sua Junta de Freguesia para recolha das Big Bags e a recolha também deverá ser agendada para o nº 961273360 (CMFF - Engª Elisabete), de 2ª a 6ª feira, das 09.30- 16.30.

Fazer queimas ou queimadas sem comunicação/autorização será considerado uso de fogo intencional e poderá incorrer em crime de incêndio florestal.

Para obter autorização aceder a https://fogos.icnf.pt/InfoQueimasQueimadas/ ou ligue para os Bombeiros Municipais da Figueira da Foz: 233 402 800.”

 

Informa-se que em caso de incumprimento de limpeza dos terrenos, a partir de 15 de Março o Município pode proceder à sua execução sem qualquer formalidade e, após o que notifica as entidades faltosas responsáveis para procederem, no prazo de 60 dias, ao pagamento dos custos correspondentes. Caso não se verifique o pagamento no prazo de 60 dias, a Câmara Municipal extrai a certidão de dívida e a sua cobrança decorrerá por processo de execução fiscal, nos termos do Código de Procedimento e de Processo Tributário (nº3 a 6 do art.º 21º da Lei n.º 76/2017, de 17 de agosto).

 

Para mais informações pode contactar a Junta de Freguesia da sua residência ou:

Serviço de Proteção Civil e Bombeiros da Figueira da Foz 233 402 805
GNR 233 402 320
PSP 233 407 560

Atualizado em 12-03-2019

Visitas: 5411

Copyright © 2014 Município da Figueira da Foz | Desenvolvimento WRC | Design Sigyn |