cabedelo
surfsurfespacoondasmares

ptenfrdees
Natureza
Natureza
Cultura
Desporto
Natureza
Desporto
Arte
Internet Marketing Bruidsfotograaf

Fortim de Palheiros - Buarcos

Fortim-Palheiros

Mandado construir na altura das guerras liberais, atrás da antiga povoação de Palheiros, este fortim fez parte do triângulo defensivo da enseada, desde a foz do Mondego até Buarcos. Apresenta-se como uma bateria semi-circular, com 10 bocas-de-fogo e abertura na gola, com uma muralha de 2,5 metros de espessura. Apesar do seu estado de conservação não ser o melhor, este fortim é um excelente exemplar de arquitetura militar do séc. XVI.

 

Classificado como Imóvel de Interesse Público.

Atualizado em 18-10-2014

Visitas: 2791

Castelo de Redondos - Buarcos

castelo de redondos 11Localizado no local onde terá existido uma estrutura defensiva desde, pelo menos, o séc. XIII, reduz-se hoje a um cunhal de torreão com contraforte, salvo da destruição total em 1854 pelo engenheiro hidrógrafo Francisco Maria Pereira da Silva. Serviu, durante muito tempo, de referência à navegação e aos trabalhos de geodesia e topografia.

 

Classificado como Imóvel de Interesse Municipal.

Atualizado em 09-09-2014

Visitas: 3691

Fortaleza de Buarcos / Forte de S. Pedro de Buarcos

muralha de buarcos - cedidaDevido à situação geográfica da povoação, é possível que Buarcos tenha tido uma fortaleza marítima desde os inícios da monarquia, para defesa do litoral contra a pirataria e desembarque ou invasões por mar. Deverão ser da época do Infante D. Pedro, duque de Coimbra e Senhor de Buarcos (séc. XV) os três baluartes ainda existentes: Baluarte da Conceição, Baluarte de S. Pedro e Baluarte da Nazaré. Um quarto baluarte, do Rosário, já muito adulterado, defendia a baía a Sul.


O acesso à povoação era feito por duas poternas rasgadas na muralha, ainda hoje bem visíveis. Atualmente, o forte emoldura, simbolicamente, o casario que em épocas remotas protegeu, conferindo a Buarcos um inegável testemunho da importância e prestígio que lhe foram próprios.


Classificado como imóvel de Interesse Público.

Atualizado em 18-10-2014

Visitas: 4662

Forte e Capela de Santa Catarina

forte sta catarinaFoi edificado em finais do séc. XVI para reforçar a defesa da foz do Mondego. Juntamente com a Fortaleza de Buarcos e o Fortim de Palheiros, era parte do sistema defensivo do porto e da baía da Figueira da Foz e de Buarcos. Com estrutura de conceção triangular, tem três cortinas, um meio baluarte e dois baluartes irregulares.

 

A entrada dá acesso a um pátio interior onde se situa uma pequena capela, de planta centrada e cúpula de nervuras, dedicada a Santa Catarina de Ribamar, devendo-se a sua construção ao arquiteto Mateus Rodrigues.

 

O Forte, com o seu farol, permanece como referência histórica e elemento emblemático da cidade.

 

 

separador small

pdf Folheto Informativo - PT 

pdf Folheto Informativo - ENG 

pdf Folheto Informativo - ESP 

pdf Folheto Informativo - FR 

Atualizado em 19-05-2017

Visitas: 5350

Copyright © 2014 Município da Figueira da Foz | Desenvolvimento WRC | Design Sigyn |